Av. Cav. Paschoal Innechi,
1219 sala 4
tel (16) 3996-1124
HISTÓRICO APETESP
      A APETESP - Associação dos Profissionais do Ensino Técnico do Estado de São Paulo - foi criada pelos professores e servidores em 27 de março de 1993, na Escola Técnica Agrícola Dona Sebastiana de Barros, na cidade de São Manuel, com os objetivos de preservar, de forma diferenciada e personalizada, as escolas técnicas industriais e agrícolas e, buscar ou reconhecer um órgão estadual autônomo que as administrasse de forma sustentável.

      Nessa época, notava-se que a rede do Ensino Técnico necessitava de um órgão identificado com este tipo de Ensino para a sua efetiva administração, já que essas escolas se encontravam em estado muito crítico, além de que corria notícias de fechamento pelo governo que alegava que eram as empresas, através de suas instituições, quem deveria profissionalizar os jovens paulistanos.

      Por incrível, em 27 de outubro de 1993, com menos de um ano de vida a APETESP já atingia os seus objetivos: o governador Luiz Antonio Fleury Filho teve essa visão e finalmente em 27/10/1993, através do Decreto nº 37.795/93, e pelas mãos do Dr. Roberto Muller Filho, secretário de Ciência e Tecnologia, incorporou todas as escolas técnicas ao Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza, transformando, assim, o CEETEPS na maior instituição de ensino profissional da América Latina.

      A ida das escolas industriais e agrícolas ao CEETEPS não só deu o norte de que elas precisavam, mas também mostrou que todas as escolas técnicas passavam por séria crise de identidade e necessitavam de mudanças.

      Desde então, a APETESP vem atuando para modernizar as relações ensino / aprendizagem; vem incentivando seus associados a se capacitarem continuadamente; vem reivindicando direitos, como também incentivando diretores e professores para iniciativas, ações criativas e conquistas de condições e recursos para as escolas se atualizarem.

      A APETESP sempre lutou e continuará a lutar por um ensino de qualidade; por melhores condições de trabalho aos servidores e professores; por melhores salários; por melhor infraestrutura nas escolas, porque entende que a educação profissional é uma poderosa arma na construção da cidadania, já que a condição de trabalho do jovem é fundamental para a conquista do primeiro emprego, da empregabilidade, como também da capacidade empreendedora.

      E com certeza, a APETESP, por sua vez, com base nos seus princípios, vai continuar ao lado do CEETEPS para auxiliar no que for possível e, ao mesmo tempo, continuar cobrando do Centro e do Governo do Estado de São Paulo uma política séria de educação profissional, que vise aumentar os investimentos nas escolas, assim como, melhorar as condições de vida dos servidores e professores. E mais, a APETESP entende que uma das grandes possibilidades de crescimento do Brasil está na Educação Profissional, porque não só conduz ao desenvolvimento tecnológico, mas também porque completa e solidifica o indivíduo como cidadão, dando-lhe plenas condições de sobrevivência.
      
      A primeira diretoria eleita teve a seguinte formação: Adonae Rodrigues de Lima – presidente; Osmir Antônio Petrini - vice presidente; Carlos Roberto Bogatti Guimarães - primeiro secretário; Paulo Cesar Pires da Silveira - segundo secretário; Tomoko Mitisui - primeira tesoureira e Francisco Marciano Cardoso -segundo tesoureiro.

      Atualmente, a APETESP possui equipe multidisciplinar, com profissionais com grande experiência nas suas especialidades; todos trabalhando de forma integrada, com adesão das mais modernas e ágeis técnicas e práticas de gestão de pessoas e serviços, para atender melhor os seus associados, oferecendo, assim, serviços de orientações jurídica, ensino/aprendizagem e orientações sobre as normas da instituição Centro Paula Souza; técnicas motivacionais; dinâmica de grupo; plano de saúde NIPOMED e convênio com serviços de reservas e outros serviços de Turismo.



Missão

-------------------------------------------------------
Promover envolvimento do professor e do servidor para que atuem de forma proativa nas ações do governo e na sua valorização, potencializando, assim, sua eficácia na construção da qualidade nas escolas profissionalizantes; dinamizar a educação em geral, o ensino profissional e suas condições de trabalho, tendo como base a ética e o comprometimento com os nossos associados.

Valores

-------------------------------------------------------
Comprometimento ético;
Participação;
Igualdade de tratamento aos professores e aos servidores; Transparência nas ações;
Compromisso com o serviço público;
Envolvimento com a missão da instituição;
Valorização dos integrantes da instituição e Reconhecimento.